Consultor Online

Olá! Eu sou o Corretor Online da BRZ. Estou aqui para tirar as suas dúvidas sobre valores, financiamento e simulação dos nossos empreendimentos à venda. Qualquer coisa, é só me chamar.

Vendas
Online

Como fazer um terrário?

26.Maio.2017

Superfáceis de fazer, os terrários são ótimos para decoração.

Os terrários viraram moda por serem muito fáceis de cuidar e também por serem ótimas opções para decorar apartamentos com pouco espaço. Que tal montar o seu próprio minijardim?

O que você vai precisar:

- 1 aquário de vidro;

- pedriscos e cascalhos da sua preferência;

- plantinhas do tipo suculentas;

- terra;

- pequenos objetos para decoração da sua preferência;

- ferramentas (vale também o improviso com o que você tiver em casa).

Vamos começar?

1. Esquematize como vai ser o seu terrário antes de colocar a mão na massa. Use a criatividade e já pense em possíveis camadas de cores diferentes e nas posições das plantinhas.

2. Para a primeira camada, use as pedrinhas. Essa camada é importante para drenar a água e não deixar que as raízes das suculentas apodreçam. As pedras podem ter mais de uma cor e serem mais finas ou mais grossas. Você também pode colocar uma camada de areia após a camada de pedrinhas, a regra é deixar a sua criatividade fluir. É importante lembrar que a camada de pedrinhas não pode ocupar mais que 1/3 do terrário, já que, depois dela, ainda vem a camada de terra. Os terrários ficam mais bonitos quando as plantinhas ficam dentro do vidro, dando uma impressão de aquário.

3. Depois da camada das pedrinhas, é o momento de preparar a terra que vai receber a planta. Coloque uma camada com mais ou menos 2 e 3 centímetros. Lembre-se: a cada camada, arrume as laterais, deixando a terra retinha e limpando a borda do vidro.

Na imagem acima, temos uma camada de pedra para drenar a água, uma camada de areia e, posteriormente, uma camada de terra onde as suculentas serão plantadas.

4. Tire as suculentas dos vasinhos. Para facilitar, você pode apertar a lateral do vasinho original, como se estivesse massageando-as e descolando-as do recipiente. Retire o excesso de terra, deixando a raiz o mais limpa possível. Isso garante que a planta, na sua nova casa, não fique com a terra anterior, que pode ser de má qualidade ou até mesmo estar com fungos. Com a terra nova, você vai ter mais chances de garantir que a sua plantinha fique saudável. Ah! Se as raízes estiverem grandes demais, você pode cortar um pouquinho as pontas com uma tesoura.

5. Chegou a hora de plantar! Agora, na terra, faça buracos de acordo com o tamanho da sua suculenta, levando em consideração também o tamanho da raiz. Plante as suculentas, uma a uma.

6. Depois que você já plantou todas as plantinhas, é o momento de enfeitar! Incremente seu minijardim colocando pedras maiores, pequenos troncos, conchinhas, algas e o que mais sua imaginação deixar.

Pronto, seu terrário está finalizado! 

Para cuidar é muito fácil:

1. Deixe o seu terrário em locais que recebam bastante luz indireta do sol. É recomendado que ele receba luz direta somente durante a manhã ou no fim da tarde, pois o sol forte direto no vidro pode cozinhar e queimar as plantas.

2. Regue somente uma vez por semana em dias muitos quentes ou de 10 em 10 dias em dias mais frios. A quantidade ideal é entre 20 e 50 ml, somente o suficiente para chegar nas raízes.

Lembre-se que as suas plantinhas têm vidas. Então, acompanhe de perto se elas estão gostando do lugar escolhido, se a quantidade de água está de acordo, se todas estão bem. Vá adequando a rega e a exposição à luz de acordo com a necessidade. Mas uma coisa é certa: suculentas não gostam de muita água. Cuidado para não afogá-las. :)